Consulta de rotina no dentista pode ajudar a identificar casos de câncer e sífilis

Profissional explica como algumas patologias podem dar sinais pela boca

Uma visita regular ao dentista pode revelar algo muito mais sério do que cáries ou uma placa bacteriana. Algumas doenças graves, como câncer e sífilis, apresentam entre os sintomas, alterações na região bucal, como conta a dentista da Dental Concept, Heloísa Crisostomo.

“A boca pode ser uma grande aliada para diagnósticas problemas sistêmicos. Isso porque pode lá aparecem sinais quando algo “errado” está acontecendo com o seu corpo”, exemplifica.

Através do exame clínico e uma avaliação bem orientada, pode-se obter a hipótese diagnosticada das mais variadas doenças, tais como: Diabetes, Osteoporose, Hipertensão arterial, Doenças de pele, Sífilis, HPV (Papilomavírus Humano), Câncer e AIDS.

A dentista, que é presidente da Associação Brasileira de Odontologia – DF (ABO/DF), explica que pacientes com diabetes podem ter reações inflamatórias na gengiva sem causa aparente.

A Leucemia, que é um tipo de câncer, pode se manifestar com hipertrofia da gengiva e úlceras orais. Nestes casos é importante o dentista saber fazer o diagnóstico diferencial e encaminhar o paciente para o médico especialista.

Até mesmo distúrbios alimentares e digestivos podem ser detectados em uma consulta de rotina. “Podemos fazer diagnóstico de refluxo ou bulimia pelas características dos dentes do paciente. Aqueles que apresentam erosão do esmalte na superfície palatina (atrás) do dente, podem ter essa característica devido a acidez do suco gástrico na cavidade bucal”, conta Heloísa.

Algumas anemias se manifestam na cavidade oral, deixando a língua sensível ou dolorosa, podendo levar a atrofia das papilas e até perda do paladar.

A sífilis se manifesta na cavidade oral com lesões granulomatosas que não cicatrizam. O câncer bucal também é caracterizado com esse mesmo sinal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *