Android lidera e mercado Premium segue crescendo no Brasil

Por Fernanda Amorim – fernanda.amorim@balzaqueando.com

Com investimento pesado de empresas como a Samsung a tendência é o segmento crescer  ainda mais em 2017

SÃO PAULO – A Kantar Brasil divulgou números que mostram o domínio do sistema operacional Android no Brasil. A disputa entre o Android e iOS existe há algum tempo, fazendo assim a Apple e a Google dominarem o setor de smartphones.
Ao final de 2016, o sistema da Google estava em 92,4% dos aparelhos comercializados no território nacional, enquanto o iOS com apenas 4,9% de participação. O Windows Phone fecha a lista, com 2%.

07185814396396

A Samsung é a grande responsável pela popularização do Android no Brasil, já que lidera com folga o mercado local, apostando não apenas nos aparelhos high-end, como a linha J, mas principalmente nos tão desejados Galaxy S7, do chamado mercado premium.

No ano passado, a empresa implementou uma série de ações premiando os consumidores que compraram um Galaxy S7, que receberam um Gear VR ou Gear 360, câmera para gravar em 360º, dois acessórios que ajudam a colocá-la à frente da concorrência. E, num mercado tão concorrido como o de smartphones premium, é sempre bom se diferenciar para conquistar novos consumidores. Buscando ampliar a sua liderança no premium, a empresa segue investindo no segmento.

A categoria premiudivulgaçãom, no entanto, deve ser olhada com cuidado para
que não se caia em armadilhas porque nem sempre divulga todos benefícios. Isso porque muitos aparelhos são lançados fora do país com esse rótulo, mas desembarcam por aqui com modificações em configurações e que, no final, afetam no desempenho.

No mês de janeiro, a empresa apresentou uma nova versão do Galaxy S7 edge no Brasil. O modelo na cor Black Piano, com 128GB de capacidade complementa o portfólio da empresa no segmento de smartphones com uma nova cor e mais espaço (128GB) para que os usuários gerenciem seus dados.

O novo S7 edge é uma alternativa entre as versões já lançadas no mercado, nas cores preta, prata, dourada, rosê e azul, essa última também apresentada recentemente. Seguindo o acabamento premium da linha S, o smartphone continua revestido de metal e vidro, assim como os modelos anteriores.

Retomando o crescimento

A expectativa, segundo a IDC Brasil, é que a base de smartphones, que apresentou queda em 2016 (número ainda não fechado pela IDC), volte a ganhar fôlego em 2017 e cresça 3,5%. Em números absolutos, significa ter em 2017 uma base de aparelhos similar a de 2015.

Para Reinaldo Sakis, gerente de pesquisa e consultoria para mercado consumidor e aparelhos da IDC, a mudança no estilo de vida (uso do smartphone para acessar conta bancária, chamar táxi e comunicação por mensagens instantâneas) somado ao fato de 37% da base instalada ativa ter sido adquirida antes de 2015 vai impulsionar o aumento nas vendas.

Crescimento móvel

O uso de mobile para acessar a internet está crescendo em todo mundo, assim como no Brasil. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) divulgados no ano de 2016 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o celular é o principal meio de acesso à internet, sendo usado por 80,4% das casas dos brasileiros com acesso à mesma.
Outro dado recente revelado pela Cisco é que no Brasil, o tráfego de dados móveis terá um crescimento duas vezes mais rápido que o tráfego IP entre 2016 e 2021; e 77% das conexões móveis no País serão conexões “inteligentes” até 2021, em relação a 52% em 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *